Apreensão é a maior em 2 anos

A maior apreensão de maconha dos últimos dois anos no Ceará foi realizada na madrugada de ontem, 2, em Chorozinho, a 64 quilômetros de Fortaleza. O valor da carga de 1,1 toneladas é superior a R$ 1,5 milhão, informou a Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) da Polícia Federal do Ceará.

A maconha estava organizada em 801 tabletes em forma de tijolo, encontrados no fundo falso de um caminhão baú frigorífico com placa de Santa Catarina. O veículo, conduzido por um jovem paranaense de 23 anos e sem antecedentes criminais, saiu de Foz do Iguaçu, no Paraná, no último dia 27 com destino ao Ceará. Ele foi preso em flagrante e responderá por tráfico interestadual de entorpecentes, que tem pena de cinco a 15 anos.

A ação da PF estava sendo realizada há mais de uma semana com base em informações da Polícia Federal de Foz do Iguaçu. Segundo Janderlyer Gomes, chefe da DRE, as investigações serão intensificadas para identificar destinatários da droga.

Ele estima que a quantidade apreendida poderia abastecer de 100 a 200 pontos de droga de Fortaleza com a maconha, que é conhecida como hidropônica, mais potente e, por isso, mais cara.

A Polícia Federal desconfia que a droga seja proveniente do Paraguai, mas o caráter de tráfico internacional ainda será investigado.

A droga apreendida no sábado deve ser incinerada ainda este mês, junto com outras quatro toneladas apreendidas antes. Em 2014, foram apreendidas quase três toneladas de maconha e cocaína no Ceará, informou a PF. Quantidade já ultrapassa a de 2013, que tinha sido recorde, com 2,5 toneladas.

opovo

Rádio Cultura dos Inhamuns Ltda.

Av. Moacir Pereira Gondim 333 || Planalto dos Colibris || Telefones/Fax: (88) 3437 – 1346 e 3437 – 1347

Celular (88) 9719 2020 || E-mail: rcultura@usedata.com.br

Desenvolvido pela Auranet hospedagem de sites