Em momento de fúria, prefeito afastado de Baturité agride professor

Durante uma assembleia realizada no início da noite desta terça (21) para discutir a situação do Itamaracá Clube, em Baturité, oprefeito afastado Bosco Cigano agride o professor João Batista Lima de Assis, conhecido como Batistinha, com vários socos.

Bosco Cigano, que administra o clube há oito anos e é acusado de não prestar contas, discursava, quando foi interrompido duas vezes pelo docente, que é seu opositor político em Baturité. Em um gesto inesperado, Bosco dá um murro na cara do professor e corre em sua direção, desferindo vários outros socos e chutes, para a perplexidade da plateia que assistia ao evento no prédio da Secretaria de Finanças de Redenção. A prefeita em exercício Cristiane Braga, presente no local, ficou indignada e chamou a Polícia.

Bosco Cigano, como é conhecido, e mais seis servidores da Prefeitura de Baturité, estãosuspensos de suas funções públicas e proibidos de ter acesso aos prédios de repartições públicas do município, após ordem da desembargadora Francisca Adelineide Viana, do Tribunal de Justiça do Ceará (TJ/CE).

O prefeito, que teve seu mandato barrado pela terceira vez neste ano, alega que não cometeu nenhum crime e entrou com recurso contra a decisão judicial. A reportagem está tentando contato com os protagonistas do violento episódio. O vídeo foi enviado por leitores aoVcRepórter, ferramenta do WhatsApp do Diário do Nordeste, através do número (85) 8948-8712.

vc repórter

Rádio Cultura dos Inhamuns Ltda.

Av. Moacir Pereira Gondim 333 || Planalto dos Colibris || Telefones/Fax: (88) 3437 – 1346 e 3437 – 1347

Celular (88) 9719 2020 || E-mail: rcultura@usedata.com.br

Desenvolvido pela Auranet hospedagem de sites