Ceará deve ter chuvas em torno da média neste ano, avalia Funceme

O prognóstico para a quadra chuvosa de 2019 foi divulgado na manhã desta sexta-feira (18) pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). A avaliação climática revela um cenário favorável para chuvas em torno da média histórica, porém, no Centro-Sul do Estado, a categoria mais provável é abaixo do normal.

A partir de abril, há uma tendência de que as chuvas diminuam em todo o Ceará. O prognóstico aponta que há 40% de probabilidade para chuvas em torno da média histórica, 30% inferior à normalidade e 30% de chances de se encerrar acima do normal. Na Região Litorânea cearense, particularmente, as chances são acima do normal.

Previsão de chuva 2019

Chuva abaixo da média Chuva em torno da média Chuva acima da média
30% 40% 30%

O cenário do trimestre entre fevereiro e abril deste ano é menos favorável que o do mesmo período do ano passado, quando a Funceme apontou 40% de probabilidade de as chuvas ficarem acima da média, 35% dentro da média e 25% abaixo da média. As precipitações para o trimestre março/abril/maio devem ser divulgadas no próximo mês.

Neste ano, houve a confirmação do El Niño, um dos fatores que impactam nas chuvas no Ceará. O fenômeno, que acontece no Oceano Pacífico, aquece as águas a oeste da América do Sul e colabora para afastar nuvens de chuva do estado.

“Vamos buscar outras formas de sobreviver”, assegurou durante a divulgação do prognóstico da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Para ele, as chuvas devem garantir reservas suficientes para atravessar mais um ano de abastecimento.

O Ceará começou 2019 com pouco mais de 10% de volume acumulado nos 155 reservatórios monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh). O cenário é um pouco melhor que o registrado no início do ano passado, quando eles acumulavam 6,7% de água.

Teixeira salienta a importância da busca por novas alternativas e a diversificação das fontes hídricas, destacando a construção de poços e adutoras. O secretário também reforça a necessidade do consumo consciente. “Isso tudo nos fez chegar neste ano a ponto de não faltar água”, afirma.

Rádio Cultura dos Inhamuns Ltda.

Av. Moacir Pereira Gondim 333 || Planalto dos Colibris || Telefones/Fax: (88) 3437 – 1346 e 3437 – 1347

Celular (88) 9719 2020 || E-mail: rcultura@usedata.com.br

Desenvolvido pela Auranet hospedagem de sites