Conta de energia vai ficar mais cara a partir de maio

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) definiu que a bandeira tarifária de maio será amarela. A decisão gera um custo adicional de R$ 1,00 para cada 100 quilowatts por hora (kWh) consumidos. De dezembro até abril, estava em vigor a bandeira verde, em que não há cobrança de taxa extra.

O sistema de bandeiras tarifárias é definido pelo preço da energia no mercado de curto prazo (PLD) e pelo nível dos reservatórios das hidrelétricas. Na bandeira verde, não há cobrança de taxa extra. Na bandeira amarela, a taxa extra é de R$ 1,00 a cada 100 kWh consumidos e na bandeira vermelha há dois níveis de cobranças: o primeiro nível tem o adicional de R$ 3,00 a cada 100 kWh e no segundo nível, a cobrança é de R$ 5,00 a cada 100 kWh.

O sistema indica o custo da energia gerada e tem como objetivo possibilitar o uso consciente de energia. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) deve anunciar a bandeira tarifária que vai vigorar em junho no dia 31 de maio.

Fonte: Cearaagora

Rádio Cultura dos Inhamuns Ltda.

Av. Moacir Pereira Gondim 333 || Planalto dos Colibris || Telefones/Fax: (88) 3437 – 1346 e 3437 – 1347

Celular (88) 9719 2020 || E-mail: rcultura@usedata.com.br

Desenvolvido pela Auranet hospedagem de sites