Governo pretende criar vale-gás para evitar intervenção no mercado e conter impopularidade

Com o preço do botijão de gás de cozinha nas alturas e diante da resistência da equipe econômica em intervir no mercado, o governo federal estuda a criação de um auxílio voltado para a compra do combustível.

A ideia é conceder um vale à população comprar tem ganhado força entre auxiliares do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O projeto também faz parte do pacote social que o Planalto quer viabilizar neste ano para entrar em 2022 com rejeição menor.

Ainda conforme o diário paulista, a solução conta com a simpatia do ministro da Economia, Paulo Guedes, que costuma frear projetos do Executivo que envolvem aumento de despesas. A proposta aparece em momento de queda de popularidade de Jair Bolsonaro.

Em Salvador, com o último reajuste em junho, de 5,9% no preço do gás de cozinha, o produto está sendo vendido por até R$ 110, para entrega, e até R$ 100 nas distribuidoras da capital baiana.

(*) Com informações Folha de São Paulo

Rádio Cultura dos Inhamuns Ltda.

Av. Moacir Pereira Gondim 333 || Planalto dos Colibris || Telefones/Fax: (88) 3437 – 1346 e 3437 – 1347

Celular (88) 9719 2020 || E-mail: rcultura@usedata.com.br

Desenvolvido pela Auranet hospedagem de sites