Ceará vai iniciar vacinação contra Covid-19 em pessoas de 12 a 17 anos; cadastro deve ser feito na plataforma Saúde Digital

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) reforça a necessidade de cadastro para a vacinação contra Covid-19 para o público de 12 a 17 anos. A inscrição pode ser realizada na plataforma Saúde Digital. O início da vacinação deste grupo está previsto para o fim de agosto. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), existem 1.049.462 jovens nesta faixa etária no Ceará. Até sexta-feira (20), 386.377 mil pessoas deste perfil realizaram o cadastro.

O secretário da Saúde, Marcos Gadelha, reafirma o compromisso de vacinar todos os cearenses, medida essencial para combater o avanço da doença no Estado. “Estamos trabalhando com o cidadão no centro de todas as ações da Saúde. Por isso, temos o compromisso, sempre pautados pela ciência, de vacinar toda a população cearense contra a Covid-19”.

Como explica a secretária executiva de Vigilância e Regulação da Sesa, Magda Almeida, “crianças e adolescentes também podem adoecer e podem fazer o vírus circular, então é um grande avanço na campanha de imunização”. “A gente conclui [a vacinação em pessoas a partir de 18 anos] com louvor em agosto, pelo menos nos grandes municípios, e avança para uma nova faixa etária”, pontua. Até então, o imunizante da Pfizer é o único autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para esta parcela da população.

Para o cadastro, é preciso informar nome completo, CPF, data de nascimento, raça, número do cartão nacional de saúde e telefone para contato, por exemplo. A Sesa ressalta a importância de preencher os dados com as informações corretas e verdadeiras para que a vacinação ocorra de forma organizada e mais ágil. As prefeituras são responsáveis por cadastrar a população que não tem acesso à Internet.

Transparência

Desde o início da Campanha de Vacinação contra a Covid-19 no Ceará, a Sesa disponibiliza, diariamente, por meio do Vacinômetro, o quantitativo de doses recebidas, distribuídas aos municípios e aplicadas – inclusive por grupos populacionais.

Até o momento, 7 milhões de doses já foram aplicadas no Estado. Destas, 4,88 milhões são referentes à primeira dose e 2 milhões, ao reforço. Além disso, mais de 154 mil cearenses receberam dose única da farmacêutica Janssen, um dos quatro imunobiológicos aplicados no Ceará.

CEARAAGORA

Rádio Cultura dos Inhamuns Ltda.

Av. Moacir Pereira Gondim 333 || Planalto dos Colibris || Telefones/Fax: (88) 3437 – 1346 e 3437 – 1347

Celular (88) 9719 2020 || E-mail: rcultura@usedata.com.br

Desenvolvido pela Auranet hospedagem de sites